Como replantar e criar mudas de temperos várias vezes

Das lembranças da minha infância, um dos cheiros e sabores que mais gosto é de chá de hortelã fresco. Eu tomava muito quando ainda não podia tomar café e as vezes que tinha dor de barriga. Também tomei muito chá de capim-limão. Tudo fresco, tudo da horta da minha vó, no quintal de casa. Não tem chá de saquinho que se iguale a esses chás de ervas frescas. Não tem manjericão seco que tenha o cheirinho do fresco. E orégano fresco, vocês já provaram? É incrível.

É por isso que eu quero ter vasinhos a perder de vista em casa com muitas ervas gostosas. Elas tão a passos da minha cozinha, são orgânicas e cuidadas com carinho e eu não desperdiço um maço porque não consegui usar a tempo.

Tem um tempo que eu replanto vários temperos aqui em casa pra ter mais uma ou muitas vezes. É bem fácil, normalmente é só deixar em um copinho com água até criar raízes e depois replantar. É daquelas magias da natureza que só ela explica, porque mesmo o alho poró que você guardou na geladeira, brota. É incrível.

Como replantar alho-poró, salsão, cenoura, alho, cebola

Esses temperos que não são “arvorezinhas” normalmente crescem as folhas outra vez se você colocar a parte da raiz na água. Eu faço sempre sempre com alho poró e já fiz com salsão. O segredo, pra mim, é trocar a água todo dia, pra raiz não apodrecer. Corte a parte que você vai comer deixando um tanto pra criar as novas mudinhas.

Salsão depois de uns 5 dias na água.
Coloque num copo com água e troque a água todos os dias. 
Alho poró depois de uns 10 dias na água

Quando começar a crescer, você pode transplantar pra um vaso com terra preta.   Depois disso você precisa cuidar de acordo com as necessidades daquela plantinha, então veja quanto de água e sol ela precisa. 🙂  

Como replantar manjericão, hortelã, alecrim, orégano, tomilho

Esses temperos são tipo arbustos e a mudinha é feita de um jeito diferente. Pegue galhinhos de uns 10 ~ 15 cm da planta e tire as folhas do comprimento, deixe só as mais de cima. Corte o caule perto de um nó (sabe aquelas divisões do caule?). Esse nó precisa estar no final do galhinho porque é dele que vão surgir as raízes novas.

Depois de uns 3 dias, tinha uma raiz de menos de 1cm.
Depois de uns 10 dias na água, olha essas raízes!

Depois de uns 7 dias as raízes vão ter surgido e você pode colocar as mudinhas em um vaso com terra. Você pode deixar mais tempo também, o importante é não ser uma raiz muito pequena, senão ela vai ter dificuldade de nutrir a plantinha na terra.   Autonomia na hortinha! Você já fez isso em casa? Deu certo? Conta aqui nos comentários! 🙂  

Pra ler mais:

_ Como ter uma horta em apartamento (aqui)
_ Dicas sobre horta no Herbivora (aqui)
_ Esse vídeo que ensina como cultivar plantinhas com as frutas que você come (aqui)

Autor: Cristal Muniz

Cristal Muniz decidiu em 2015 que iria parar de produzir lixo e por isso criou o blog Um Ano Sem Lixo. Ao longo desses anos já deu várias palestras em escolas, universidades e eventos contando quais são os principais desafios e o que mudou na sua vida para alcançar o objetivo do lixo zero. Um ano virou uma vida e em julho de 2018 publicou o livro Uma vida sem lixo (Editora Alaúde), o primeiro livro sobre como ter uma vida lixo zero do Brasil.

Deixe uma resposta para Unknown Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *